Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Escadas Rolantes

Na minha terra costuma dizer-se: Quando a merda chega à ventoinha, ficam todos cagádos!

Escadas Rolantes

Na minha terra costuma dizer-se: Quando a merda chega à ventoinha, ficam todos cagádos!

20
Set13

Tenho a certeza de que não se fez uma revolução para isto!

escadas



“DE UM DIA PARA O OUTRO, RECUÁMOS 20 ANOS”

 O desabafo desta Mãe, aos microfones da TSF, espelha bem o desespero e o desalento de quem já nada espera deste poder político.

 

Os recentes episódios que tiveram uma vez mais, os professores como protagonistas e o ministro Crato como realizador, produtor e encenador e argumentista, não são no entanto e infelizmente, exemplos únicos.

Tal como foi idealizado por Passos Coelho e o PSD, a sociedade portuguesa funciona agora a duas velocidades.

Os que têm dinheiro, entenda-se, MUITO DINHEIRO, vão aos hospitais privados, quando precisam, marcam consultas em consultórios particulares, têm os filhos em colégios privados, de preferência com nome estrangeiro, fazem seguros de vida, em empresas multinacionais e vá saber-se como…jantam todos os dias!

Os outros… sobrevivem!

Não vou enunciar aqui os dramas de quem tenta diariamente ultrapassar o desespero de viver neste País.

Os funcionários públicos, essa corja arrogante que teimosamente insiste em resistir, sabe ao que refiro.

Os alunos que iniciaram as suas aulas há duas semanas, ainda não sabem, mas os Pais deles, sabem e bem, o caos em que caiu o ensino em Portugal.

 

Queria aproveitar este espaço apenas para dois desabafos.

 

1

Onde estão os professores que desceram a Av. da liberdade há 3 anos e que reclamaram a demissão da então Ministra da Educação Maria de Lurdes Rodrigues?

 

2

É lamentável , que apesar de tudo o que este governo tem feito (ou não tem feito), o Partido Comunista e o Bloco de Esquerda, continuem a ter como principal “inimigo político” o Partido Socialista, quando foram precisamente eles, os grandes responsáveis pela ascensão ao poder desta dupla de malfeitores PSD/CDS

 

É verdade, de um dia para o outro recuámos 20 anos. José Gomes Ferreira nada irá dizer sobre isto, Carlos Barbosa fechar-se-á em copas (que é coisa que ele gosta muito) e Camilo Lourenço, irá por certo fazer uma piada de mau gosto como é seu hábito.

Estes nada dirão, mas a História, implacavelmente, deixará marcada para sempre a memória dos anos mais negros da nossa civilização.

Tenho a certeza de que não se fez uma revolução para isto!

Mais sobre mim

foto do autor

google+

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D