Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O que faz correr António José Seguro?

por escadas, em 25.01.13

  Guernica, por Victor J.

 

 

 

António José Seguro tem um dilema, ou melhor, um trilema!

Os fantasmas de António Costa e José Sócrates atormentam-lhe a cabeça (um de cada lado) ao mesmo tempo que tenta fazer oposição a Passos Coelho e sim, eu quero acreditar que António José Seguro, quer fazer oposição a este governo.

 

Isto representa uma carga de trabalhos e não é tarefa fácil, eu por exemplo não gostaria de estar na pele dele, mas… eu também não me ofereci para ser Secretário-geral do PS, foi António José Seguro que se ofereceu ao sacrifício e logo na noite das eleições, “ainda sobre o cadáver fumegante de José Sócrates” como muito bem referenciou Miguel Sousa Tavares em directo na SIC.  

 Mas enfim… isso são águas passadas.

 

A António José Seguro falta muita coisa e não é de estranhar, pois é um político jovem, tem uma equipa igualmente jovem e é líder há relativamente pouco tempo, mas há uma coisa que os seus conselheiros lhe deviam aconselhar, a leitura do “Guerra e Paz “ de Leão Tolstoi, só porque a história ensina-nos muita coisa!

 

O Secretário-geral do PS não tem vida fácil, mas convenhamos, que nunca nenhum líder do PS teve vida fácil, faz parte do código genético do PS, portanto não é de estranhar!

Outros há, que alegando o facto do actual líder ter sido eleito democraticamente, há quase dois anos, não se justificar ainda abrir uma “guerra de sucessão”. Curiosamente, estes defensores de Seguro, são os mesmos que acham que Passos Coelho, eleito igualmente democraticamente há dois anos, já devia ter ido embora. Contradições? Nem por isso, apenas na forma de expressão.

Eu sei que o tempo é inimigo de Seguro, o líder do PS precisa de tempo para cimentar a sua estratégia, seja ela qual for, mas…será que Portugal e os portugueses, também partilham o seu calendário?

As sondagens dizem que não. As sondagens mostram que os portugueses, estão  descontentes com a governação do PSD e de Passos Coelho, mas não dizem que a alternativa é o PS.

 

Depois de ler o “Guerra e Paz”, António José Seguro chegará à conclusão de que se quer de facto assumir-se como líder de um grande partido como é o Partido Socialista, não tem que temer o confronto e o debate e o Congresso é o melhor local para debater cara a cara com todos aqueles que o acusam de protagonizar uma oposição frouxa.

O Congresso, é o local ideal para explicar aos seus camaradas, as trapalhadas das nomeações autárquicas de Matosinhos e Cascais por exemplo.

O Congresso, é o local ideal para explicar aos congressistas, a razão pela qual, durante a presente legislatura, ter optado por fazer tábua rasa em tudo o foram as politicas do Partido Socialista nos anteriores governos, nomeadamente os de José Sócrates.

O PS fez algumas coisas mal?

Claro que sim, mas também protagonizou muita coisa boa, os portugueses sabem disso, mas aparentemente só alguns…

 

Não devemos ter vergonha do nosso passado, da nossa história, devemos isso sim ter orgulho daquilo que fizemos pois temos a consciência tranquila, de que lutamos por um Portugal, mais justo, mais solidário, mais próspero, sem esquecer ninguém, do litoral ao interior, seja rico ou mais carenciado (e sobretudo estes).

Estas são as bandeiras do PS, estas são as razões pelas quais os portugueses votaram em Mário Soares, em Vítor Constâncio, em Jorge Sampaio, em António Guterres, em Ferro Rodrigues e em José Sócrates. Esta é a nossa identidade, a nossa matriz, a nossa história!

É urgente devolver essa identidade, este património ao Partido Socialista.

 

Bem…e isso deverá ser feito quando, perguntam os meus amigos… O mais cedo possível!

Os autarcas do Partido Socialista e principalmente os portugueses que vêm neste partido uma réstia de esperança para o desastre que se abateu sobre Portugal, agradecem.



Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:05



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisa

Pesquisar no Blog  

calendário

Janeiro 2013

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031

google+


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Mensagens



Arquivos

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D